Os portugueses têm de salvar-se de si próprios, para salvarem Portugal

domingo, 7 de novembro de 2010

2729. Um belísimo poema de Ashera

Descobri hoje este belíssimo poema da minha amiga Ashera,
excelentemente declamado por Ana Magalhães Ulanin


...

4 comentários:

milu cruz. disse...

Maravilhoso poema!Obrigada Ashera.

Ruvasa disse...

Viva, Milu!

É, na verdade, belíssimo, revelador de uma grande sensibilidade e muito bem dito.

Ashera é a designação que a si própria dá Lurdes Pereira.

Abraço

Ruben

sedrul disse...

Meu Muito Querido Amigo Ruben, não tenho palavras para te agradecer...
Obrigada Milu.
Galáxias de beijos nos vossos corações
* Amei tudo que vi!
http://www.youtube.com/watch?v=wk2tDUpvAxA&feature=player_embedded

Ruvasa disse...

Viva, Lurdes!

Nada tens que agradecer. Apenas disse o que sinto. E menos do que poema merece.

Beijinho grande

Ruben