Os portugueses têm de salvar-se de si próprios, para salvarem Portugal

quinta-feira, 8 de novembro de 2007

1270. Camboja - Angkor (1)


































Perspectivas de Angkor Thom
...

2 comentários:

Eduardo P.L. disse...

Ruvasa, asimplismente fantástica essa série do Camboja!


Abçs

Ruvasa disse...

Viva, Eduardo!

Sim, Angkor é qualquer coisa de assombroso! Um cidadão fica positivamente extasiado, siderado com o que vê e não crendo ser possível que aquilo tenha tido o seu apogeu em 1180 dC.

Como é possível?

Eu fiquei muito impressionado, no México, com os aztecas, e na China com a Muralha e o exército de terracota, mas, meu Amigo, Angkor é inacreditável. As fotos não conseguem fazer-lhe jus, porque, para tal, seria necessário que, naquele pouco que vimos, tivesse recolhido para aí uns milhares de fotos.

É que os pormenores são de ma beleza incrível e em número incontável.

Nunca vi e tenho a certeza de que jamais verei algo que tanto me impressione.

O Vietname, por sua vez, é de uma beleza natural realmente notável e, se formos a meter na "contabilidade" a beleza e graciosidade das vietnamitas!...

Abraço

Ruben