Os portugueses têm de salvar-se de si próprios, para salvarem Portugal

quinta-feira, 29 de novembro de 2007

1283. Brincadeiras...

- Onde estavas, Guidinha? - pergunta a mãe à filhita, moça esperta de 6 anos.

- No quarto, a brincar aos médicos, com o Joãozinho.

A mãe dá um salto na cadeira, em grande aflição.

- Aos médicos?! Valha-me Deus!

Ao vê-la assim, Guidinha logo a descansou:

- Médicos da Caixa, mamã. Ele nem me viu...

Gentileza de Ralf W.

...

4 comentários:

Ruvasa disse...

Cuidado que en(caixa), en(caixa).

E, depois, lá vai mais uma despesa para a SAÚDE. E não há objector de consciência que nos valha.

Um abraço amigo e até amanhã.

AAlves

Ruvasa disse...

Viva, AAlves!

;-)

Abraço e até amanhã.

Ruben

al cardoso disse...

Ora veja so como as criancas aprendem rapido.
Bem haja pelo sorriso que trouxe ao meu rosto.

Um abraco d'Algodres.

Anónimo disse...

Viva, Al!

Não tem nada que agradecer.

Sem humor a vida seria uma grande chatice, não acha?

Abraço

Ruben