Os portugueses têm de salvar-se de si próprios, para salvarem Portugal

quinta-feira, 6 de dezembro de 2007

1290. Uma saudação especial



17 comentários:

Sulista disse...

Oh Ruben, estás-me a assustar...o que é que isto quer dizer??
que vais escrever o tal Livro ou que se passou alguma coisa grave??


Beijinho

Ruvasa disse...

Viva, MJoão!

Não há nada de especial.

Só que, com os tempos que atravessamos, entendi dirigir uma saudação especial a quem anda pela Blogosfera, verdadeiro espaço livre ainda em Portugal.

E, porque se trata de uma questão de solidariedade, escrever não basta. É necessário que a mensagem/saudação, surja de viva voz, com um cunho mais pessoal.

Sabes, Amiga? O ser "velhinho" faz-nos destas coisas. Como já vivemos uns bons anitos, já vimos muitas coisas. E, por vezes, começamos a recordar-nos de algumas que gostaríamos de não ver repetidas. E, então, quando verificamos algumas odiosas semelhanças, dá-nos a "camueca" e aparecem peças destas.

Mas, se for preciso, a gente vai-lhes às fussas, pois então! Mái nada! O que é preciso é acordar a malta... não deixar adormecer a malta, porque se a malta se adormenta mais, é uma porra!

Beijinho

Ruben

Marisa disse...

Viva, Sr. Ruben! :)

Ando desde há muito para lhe deixar 1 comentário, pois sigo com assiduidade o que escreve e hoje gostei do modo como nos cumprimentou, mas também o achei enigmático ... foi diferente!

De qualquer forma, vou continuar a ser visita do seu blog, porque gosto dele; continue! :)

Tudo de bom, um beijinho!

Ruvasa disse...

Viva, Marisa!

Não, não quis ser enigmático. Trata-se apenas do que já disse em cima à MJoão!

Esta tropa que nos governa não nos respeita, faz o que quer e ainda lhe sobra tempo. Há que estar sempre atento aos "bólides".

Por outro lado, as saudações de viva voz são mais solidárias. Há que sermos solidários. Cada vez mais, caso contrário os tipos ainda nos sodomizam a todos.

Gostei muito de a ter aqui a comentar um post meu. Apreciei imenso e gostaria que continuasse, não só a ler, mas a comentar também. O blog é seu também,, como de todos os que me lêem.

Vou emailar you, ok?

Beijinho

Ruben

NuNo_R disse...

Boas....

"blablabla"... e depois despede-se com "até sempre amigos"?!

então o que o meu amigo vai fazer, para fazer tal despedida?
Vai fechar o blogue?

obs: o blablabla é somente para resumir o que disse e muito bem dito :)


abr...prof...

Ruvasa disse...

Viva, Nuno_R!

Peço-lhe que leia a explicação que dei em resposta ao comentário da MJoão! Está lá dita a minha intenção.

Claro que não fecharei o blog. Vou continuar, sempre dentro do que me for possível e... até que a voz e, já agora, os dedos, me doam...

Ora, se vou continuar... até sempre amigo!

;-)

Abraço

Ruben

Ashera disse...

Saudações Carissimo
Fui um prazer enorme ouvir a tua mensagem
Obrigada
Estejas bem sempre
Beijos no coração
http://ashera.multiply.com/

Ruvasa disse...

Viva, Ashera!

Obrigado pelo comentário.

Beijos também

Ruben

Isabel-F. disse...

Olá Ruben,

Bom dia.

Foi um prazer ouvir-te. Conhecer a tua voz.
Quanto à tua mensagem, de que gostei muito, entendo-a perfeitamente ...

Quanto à Blogosfera ... por enquanto vai sendo um espaço livre ... será que vai durar???

beijinhos e um bom fim de semana para ti

Ruvasa disse...

Viva, querida amiga!


Obrigado pelas tuas amáveis palavras.

Espero que a Blogosfera continue como está, com os seus mais activos intervenientes.

É ela que nos vai valendo. Não fora ela e certamente que hoje já estaríamos "comidos" pela sacripantada toda que por aí tonitrua.

Beijinhos e igualmente bom fim de semana.

Ruben

Leila disse...

Legal! Parabéns por sua bela voz!!! No início parecia-me a voz de Luís Gaspar do audioblog Estúdio do Raposo! Ambos são ótimos! Beijos!!!

Garth Cross disse...

Hà uns dias atrás comecei a receber e-mails deste cavalheiro. Não o conheço, nem nunca me foi apresentado! Tal ousadia deve ter uma explicação.

Ruvasa disse...

Viva, Garth Cross!

Se se identificar, terei muito gosto em o retirar da lista, dado que certamente tal circunstância se deve a mero lapso.

As pessoas com quem normalmente me correspondo nem escrevem assim, com tal arrogância, nem tão pouco se escondem atrás de pseudónimos. Dão a cara, como gente socialmente habilitada.

Mas nem precisa desse esforço. Bastará que que diga qual o seu "nome de guerra", com o qual recebe tão inoportuna correspondência e logo terei todo o gosto em "eliminá-lo"... da lista, evidentemente.

Sempre ao dispor.

Ruben

Ruvasa disse...

Viva, Leila!

Obrigado pelo cumprimento.

Infelizmente, os motivos de tal gravação não são o melhores.

O meu país está a atravessar uma má fase. Que terá que ser passageira. Ninguém aguenta calar e sofrer durante tanto tempo!...

Beijos

Ruben

Ruvasa disse...

Viva novamente, Garth qualquer coisa!

Um pequeno esclarecimento. Não é "Garth Cross", como enganosamente escreveu, mas sim "Garth Crooks"...

Se queremos fazer-nos passar por outro, a menos que não lhe deturpemos o nome, caramba!

Sempre ao dispor.

Ruben

Ruvasa disse...

Amigo Ruben

Cheguei agora e fui dar a volta pelo computador.

Ouvi a voz do meu amigo, que me pareceu com um timbre sério e triste e, daí, inferi que algo o está preocupando; certamente o rumo que as coisas estão a tomar neste País.

Depois li os comentários e as respostas e, sem concluir qualquer ideia, venho pedir ao meu Bom Amigo que não deixe de opinar sobre tudo o que vem colocando em causa a Democracia e Cidadania. É bom saber que alguém como o meu amigo se
preocupam com os problemas que estão dando cabo deste País, e dos abusos a que constantemente nos sujeitam com a maior sem cerimónia.

Quero continuar a abrir o computador e a ver os escritos do meu amigo e os comentários dos amigos que o visitam.

Um abraço
AAlves

Ruvasa disse...

Viva, AAlves!

É claro que ando muito triste pelo que está a acontecer. E pelo que está a acontecer, continua a acontecer, não somente a nível nacional geral, como no meu partido a nível local.

Mas também fora do âmbito partidário.

No entanto, não sou, como sabe, dos que desistem com facilidade.E não me calarei. Uns assuntos serão tratados de uma forma, outros de outra e outros ainda de outra ainda, também.

Um dia destes havemos de ter uma conversa calma e elucidativa, valeu? Conversa de gente séria com gente séria, como ambos somos.

Abraço

Ruben