Os portugueses têm de salvar-se de si próprios, para salvarem Portugal

quinta-feira, 15 de novembro de 2007

1281. Perguntas ao inefável PM

O PM veio, com as maiores pompa e circunstância, anunciar que o governo mãos largas que temos, depois de subsidiar o aborto livre - que não é doença inevitável que conduza à morte da "impaciente", se não for tratada - mas não tantas outras que efectivamente o são e bem graves, que levam mesmo à irremediável morte, subsidia agora, em pleno, a vacina contra o cancro do colo do útero.

Medida generosa e reveladora de grande eficiência e sabedoria atenta aos problemas da sociedade portuguesa...

Posto isto, resta fazer-lhe umas quantas perguntas, para a qual não se obterá resposta, comme d'habitude. Aí vai ela, mesmo assim:

- A vacina contra o cancro do colo do útero aplica-se efectivamente a quem, serve na verdade quem, que real eficácia tem e quanto tempo dura o respectivo efeito? 1 ano, 6 meses, mês e meio? E, terminado o efeito, se é que efectivamente o tem, que fazer?

Estas perguntas têm que ser esclarecidas sem mentiras.

Finalmente, uma simples pergunta:

- Ao lobby de que "agremiação" se está a responder com esta medida? Por outras palavras: quem é que "realmente" está sujeito a padecer de cancro do colo do útero?

A quem ler este post e que não seja o pm ou o ministro da saúde, aconselho vivamente a que se informe junto de fontes confiáveis, quais as pessoas a que efectivamente se drige sta medida. albvez venha a ter uma surpresa. Ou talvez não...
...

12 comentários:

Isabel-F. disse...

"- A vacina contra o cancro do colo do útero aplica-se efectivamente a quem, serve na verdade quem, que real eficácia tem e quanto tempo dura o respectivo efeito? 1 ano, 6 meses, mês e meio? E, terminado o efeito, se é que efectivamente o tem, que fazer?"

segundo uma médica oncológica que esteve na semana passada nas Tardes da Júlia:

- deve ser administrada às meninas entre os 11 e os 16 anos (antes de terem tido a 1ª relação sexual ...)
- dura para sempre
- segundo os estudos existentes é eficaz.

____

estou a "vender o peixe" conforme ouvi ....

Beijinhos

Ruvasa disse...

Viva, Isabel!

Eu também tenho ouvido isso.

Gostaria, contudo, de ouvir uma explicação sem mentiras nem meias-verdades.

Há opiniões bem divergentes e mais: o bacilo instala-se mesmo sem qualquer relação heterossexual - nem é a relação heterossexual o principal factor - e é para toda a vida.

Quanto à eficácia da vacina nada parece estar ainda assente e o mesmo se diga quanto à durabilidade da imunização.

Já alguma vez ouviste uma explicação detalhada do assunto?

Seria conveniente que fosse feita.

Não posso adiantar muito mais, porque sou leigo na matéria, mas posso dizer que há "sítios" na internet que abordam o assunto e que afloram um mar de dúvidas, pelo que as certezas que nos são apresentadas não parecem constituir certeza de nada.

Vamos todos tentar obter melhores informações? Principalmente tentar saber qual é o lobby por detrás de toda esta campanha.

Se tudo for verdade, isto é, se a vacina for eficaz e duradoura - Deus permita que sim - muito bem; caso contrário há que estar prevenido contra aldrabices.

Beijinhos

Ruben

azurara disse...

Ruben, será que estava a questionar o Homem que diz sempre a verdade e nada mais que a verdade?

Faz muito bem.
Ele é Homem para responder, sim senhor.

Ruvasa disse...

Viva, Azurara!

Aos berros no Parlamento, mas responde...

Abraço

Ruben

Camilo disse...

Ó Amigo Ruvasa...
Mas isto não se passa num "país" looooonnnnnnnnnge daqui?????

Ruvasa disse...

Viva, Camilo!

Não. assunto deste post infelizmente passa-se cá mesmo.

Quando a história é de outros países e de outras latitudes/longitudes, eu aviso...

Abraço

Ruben

Sulista disse...

«Aos berros no Parlamento, mas responde...»

:-D

Beijinho

Ruvasa disse...

Viva, MJoão!

Outro para ti

Ruben

Isabel-F. disse...

Olá Ruben,

há dois dias que estou para aqui vir para te perguntar: essa explosão horrível que houve em Setúbal foi perto de ti???

espero que esteja tudo bem contigo ...

beijos amigos

Ruvasa disse...

Viva, Isabel, minha amiga!

Os amigos são mesmo assim...

A explosão foi a cerca de 800 a 1000 metros da minha casa.

Tudo isto estremeceu, mas não há quaisquer problemas.

Tenho andado afastado do blog, porque ando atarefado com outros assuntos, mas um dia destes voltarei

Obrigado pelo teu cuidado e um beijinho amigo

Ruben

Anónimo disse...

Tb cá vim pelo mesmo...mas como as noticias más correm depressa...ontem mesmo fiquei descansada pq percebi que não era no teu prédio :-)

E para além de ti, tenho um casal amigo de longa data, que tb vive aí mas vi logo que não era o prédio deles ;-)

Beijinho
A Sulista

Ruvasa disse...

Viva, MJoão!

Obrigado, amiga.
Sei que não te esquecias.
Está tudo bem, felizmente.

Beijinho amigo.

Ruben