Os portugueses têm de salvar-se de si próprios, para salvarem Portugal

terça-feira, 6 de fevereiro de 2007

856. Sócrates, o filósofo


Sócrates nasceu em Atenas, talvez cerca de 470 aC. Foi um dos grandes pensadores da Grécia.

Filósofo, foi autor do célebre método socrático que consistia na geração e validação de ideias e conceitos, baseadas em perguntas, respostas e mais perguntas. Levava o interlocutor a cair em contradição, para que chegasse à conclusão de que o seu conhecimento era limitado.

Em 399 aC, foi julgado. A acusação alegou que o ateniense “investiga indiscretamente as coisas terrenas e as celestes, tornando mais forte a razão mais débil, e ensinando aos outros”, o que foi considerado crime.

Condenado à morte, morreu com cerca de 71 anos, em pleno discurso, depois de ter ingerido grande quantidade de sicuta.

Elementos colhidos na Wikipedia

* * *

E aqui está como este Sócrates, ateniense, filósofo brilhante, viveu em busca do conhecimento, ensinou gerações, foi julgado por ignorantes e morreu envenenado pela sicuta.

Será que V. conhece algum outro Sócrates que, não sendo ateniense, menos ainda filósofo, sequer brilhante, tenha vivido à margem do conhecimento, não tenha aprendido, quanto mais ensinado, não tenha sido julgado, nem ao menos por sábios, e não tenha morrido envenenado pela sicuta, nem, imagine!, atropelado por um recruta?

Hã?!

...

2 comentários:

Isabel-F. disse...

"Será que V. conhece algum outro Sócrates que, ........, e não tenha morrido envenenado pela sicuta, nem, imagine!, atropelado por um recruta?
...."

...rssss....
boa...

Bj

Ruvasa disse...

Viva, Isabel!

;-)

Bj igual

Ruben